domingo, dezembro 11, 2011

John J. Ross William C. Blakley Law Library

Vista externa da biblioteca
A John J. Ross William C. Blakley Law Library é uma das bibliotecas setoriais da Arizona State University. No dia 11/10/2011 durante minha viagem de férias em Phoeniz no Arizona, tive a oportunidade de conhecer esta biblioteca.

Meu amigo Klint Fletcher que estuda lá, conseguiu o contato de W. David Gay, bibliotecário de referência da biblioteca. Ele, gentilmente, propôs-se a apresentar as instalações da biblioteca para nós.

O acesso a essa biblioteca é voltado, especialmente, aos alunos e professores dos cursos de Mestrado e Doutorado em Direito a ASU. Nos EUA somente no mestrado e doutorado os estudantes se especializam para trabalhar em uma profissão específica, ao contrário do que acontece no Brasil.

Conheci as salas de estudo, acervo de referência, documentos federais, relatórios das leis de cada estado dos EUA, sala de obras raras, etc. Também tive a oportunidade de conhecer a sala de tratamento técnico do acervo, balcão de circulação e referência. A bibliotecária Leslie A. Pardo falou sobre os serviços e das dificuldades encontradas pela biblioteca, como a falta de funcionários devido ao aumento do horário de atendimento, o que resultou na falta de servidores para fazer os outros trabalhos.

Alinhar ao centro
Setor de referência

Eles disponibilizam uma sala de estudos que dá acesso a biblioteca, mas pode ficar isolada quando a biblioteca está fechada, o que possibilita ao aluno utilizar a sala de estudo em horários alternativos. Acho que estamos precisando disso nas bibliotecas da UFPR.


Estabelecer contatos como esse é uma ótima oportunidade para troca de experiências, aumentar a rede de contatos, etc. Foi muito.

Depois que terminamos a visita na biblioteca, que durou aproximadamente 1h, assisti a uma aula de Cultura Brasileira, disciplina que faz parte do curso do meu amigo Klint. Um dos alunos estava apresentando um trabalho sobre grafite e depois a professora falou sobre "Cordel". Foi uma experiência bem diferente, assistir a uma aula fora do Brasil.




Nenhum comentário: